EVOLUÇÃO

16/01/2016 postado: 16/01/2016

  • Compartilhe:

Betinho aproveitou para trabalhar as jogadas de bola parada.

Betinho aproveitou para trabalhar as jogadas de bola parada.

Os atletas também treinaram cobranças de pênalti.

Os atletas também treinaram cobranças de pênalti.

Na manhã deste sábado, os atletas proletários desceram ao campo principal do Sabino Ribeiro, onde o preparador físico Carlinhos Silva coordenou uma série de exercícios de alongamento e aquecimento com os jogadores.

 

Alongados e aquecidos, os atletas fizeram um trabalho tático com o professor Betinho, que aproveitou o exercício desta manhã para treinar pênaltis, jogadas de bola parada e ajustar os últimos detalhes para o amistoso contra o Penedense, que acontece neste domingo (17), em Penedo, Alagoas.

 

Uma semana depois da derrota para o Penedense por 1 a 0, a equipe azulina teve bastante tempo para melhorar tanto a parte física, quanto aos fundamentos técnicos e táticos, e espera ter uma atuação melhor que a do último jogo contra o Penedense.

 

“Sabemos que vai ser um jogo muito difícil, pois vamos encarar um adversário que joga muito duro, e que bate demais, pois foi assim que aconteceu o primeiro jogo aqui no Sabino. Sabemos também que as condições do gramado não serão as melhores, mas sabemos do nosso potencial, e estamos evoluindo a cada dia mais no que diz respeito à parte tática e ao entrosamento da equipe”, avaliou Caíque, lateral direito do Dragão.

 

Para Diego Ceará, autor de um dos gols no amistoso contra o CSE, o comportamento da equipe será outro. “Isso é normal, perder um amistoso em casa em um início de temporada, pois o time ainda não está no nível físico ideal, e há também a questão da falta de entrosamento, principalmente para os mais novos, pois ainda não conheciam bem os demais companheiros de equipe. Estamos treinando bastante, sem parar, já tem duas semanas. Vencemos o amistoso seguinte, onde eu tive a felicidade de fazer um gol, e melhoramos muito do ponto de vista tático, além do entrosamento também ter melhorado, Então, a expectativa para o segundo amistoso é a melhor possível”, disse o atacante.

 

O técnico Betinho também acredita que o time fará uma atuação melhor que a do primeiro amistoso. “A atuação da equipe diante do amistoso contra o CSE já nos mostrou uma evolução da equipe, tanto na compreensão e execução daquilo que se espera deles na parte tática, quanto na parte técnica. Eles estão em um nível físico muito bom, e isso não nos preocupa, sem contar que eles estão mais soltos e mais confiantes depois da vitória no último amistoso de quarta-feira. Até a qualidade individual dos atletas melhorou, então a expectativa é de que o time faça uma boa partida amanhã”,  o disse o treinador azulino.