NO COMANDO

26/04/2016 postado: 26/04/2016

  • Compartilhe:

Pela segunda vez na temporada, Batista assume o comando do Confiança.

Pela segunda vez na temporada, Batista assume o comando do Confiança.

Após conceder entrevistas, Batista comandou o treino no Sabino Ribeiro.

Após conceder entrevistas, Batista comandou o treino no Sabino Ribeiro.

Após a derrota para o Itabaiana, a Diretoria proletária optou por realizar mudanças no Confiança. Membros da Diretoria e do departamento de Futebol, na manhã desta segunda-feira (25), se reuniram com o treinador Fahel Júnior, e depois que o clube e o técnico entraram em acordo, a decisão comum foi a saída do técnico.

O treinador interino Batista, técnico das categorias de base do Confiança, assume a equipe para o clássico contra o Sergipe, que acontece na próxima quarta-feira (27), na Arena Batistão.

Outra decisão tomada pela diretoria foi o afastamento temporário dos atletas Júnior Paraíba, Carlinhos e Andrezinho do elenco proletário, até que outra decisão seja tomada pela diretoria, após a situação dos jogadores ser analisada.

O diretor de Futebol Ernando Rodrigues agradeceu a Fahel pela colaboração ao clube, e ressaltou que a culpa da atual situação em que se encontra o Confiança não pode e nem está sendo atribuída a Fahel Júnior.

“É um grande profissional. O Fahel aceitou o desafio de assumir uma equipe em crise, com um campeonato em andamento e numa fase decisiva. Nossa situação era muito delicada e, ainda assim, mesmo sem conhecer o elenco ou ter participado da montagem do plantel, ele encarou a empreitada, ao que somos muito gratos. Agora o Batista, que já é um funcionário do clube e conhece bem o elenco e o futebol sergipano, assumirá o time no estadual, até que possamos, com calma e sem pressa, analisar o mercado e buscar outro técnico para o time profissional”, disse o diretor de Futebol.

Já Batista, técnico interino que assume o time pela segunda vez na temporada, diz que é uma honra poder ajudar o clube, e promete dar o seu melhor para tentar classificar o Confiança para a grande final.

“É uma honra. Tenho uma identificação muito grande com o Confiança, e a torcida pode ter certeza que farei tudo o que puder para ajudar. Não me julgo 100% preparado para assumir o time profissional de um grande clube como o Confiança, mas na minha carreira de jogador trabalhei com bons técnicos, e grandes nomes do futebol brasileiro. Também tive a oportunidade de aprender bastante com o professor Betinho. Agora é utilizar o conhecimento aprendido com o tempo, e usar a influência e o respeito que acredito ter com os jogadores, e pedir a eles união e empenho, pois agora, depois da chance que tivemos, só dependemos de nós mesmos para ir para essa final”, disse Batista.

Depois de conceder entrevistas à imprensa, o técnico interino João Batista coordenou um treino físico-técnico com os atletas do elenco profissional que não participaram da partida contra o Itabaiana, ou que entraram no segundo tempo do jogo. Os atletas que iniciaram a partida realizaram um treino físico de musculação com o preparador Carlinhos Silva, e posteriormente fizeram crioterapia na banheira de gelo.