ESPERANÇA

28/04/2016 postado: 28/04/2016

  • Compartilhe:

Elenco proletário treinou no Sabino Ribeiro.

Elenco proletário treinou no Sabino Ribeiro.

Parte do elenco fez musculação e gelo. O outro grupo treinou no campo, com o interino Batista.

Parte do elenco fez musculação e gelo. O outro grupo treinou no campo, com o interino Batista.

Na tarde desta quinta-feira (28), os jogadores do Confiança que iniciaram a partida contra o Sergipe realizaram um treino físico, com musculação regenerativa. Em seguida, os atletas fizeram banheira de gelo. Os demais jogadores participaram de um treino técnico com o treinador interino, João Batista.

Depois do polêmico jogo entre Confiança e Sergipe, pela 9ª rodada do Campeonato Sergipano, o Dragão agora depende de uma combinação de resultados para poder avançar à grande final da competição.

O técnico interino Batista afirma que se o pênalti sofrido por Everton fosse marcado pelo árbitro, a história do jogo provavelmente seria outra. Por outro lado, o técnico avalia que o Dragão dependia apenas dele mesmo para avançar à final. Agora, o destino do Gigante Proletário depende de uma soma de fatores.

Primeiro a equipe precisa vencer o Estanciano, sábado (30), em jogo que acontece no estádio Francão, às 15:15, pela décima rodada da competição. Depois, torcer para que o Boca Júnior vença o jogo contra o Sergipe, que acontece no mesmo dia e horário, na Arena Batistão.

“Agora é ter esperança. Nós vamos dar o nosso melhor em campo, e buscar a vitória contra o Estanciano. Eu acredito que o Boca Júnior também dará o máximo de si para honrar a sua camisa, então é fazer o que dá pra ser feito e torcer para que o melhor aconteça. Está nas mãos de Deus”, disse o técnico interino do Confiança.

Caso isso aconteça, o Dragão do Bairro industrial avança para a final contra o Itabaiana, pois o Confiança empataria com o time rubro em número de pontos, mas tem um maior número de vitórias, o que lhe favorece no critério de desempate.