NO CAMINHO

14/01/2016 postado: 14/01/2016

  • Compartilhe:

Confiança venceu o amistoso contra o CSE de Alagoas por 2 a 1.

Confiança venceu o amistoso contra o CSE de Alagoas por 2 a 1.

Os donos da casa dificultaram as coisas para o Dragão, mas no final, tudo deu certo.

Os donos da casa dificultaram as coisas para o Dragão, mas no final, tudo deu certo.

Betinho ressalta que o time jogou bem e a vitória é boa para o moral da equipe.

Betinho ressalta que o time jogou bem e a vitória é boa para o moral da equipe.

Na noite desta quarta-feira (13), o Gigante Proletário enfrentou e venceu o CSE de Alagoas pelo placar de 2 a 1, em jogo amistoso programado como parte do treinamento de ambas as equipes, que se preparam para a temporada de 2016, e para seus respectivos campeonatos estaduais.

Apesar das condições do gramado não serem as melhores, a partida - marcada para começar às 20h30 -, foi muito disputada, com chances para as duas equipes. Querendo mostrar serviço para a torcida, visto que jogava em casa, o CSE partiu para cima do Dragão do Bairro Industrial na tentativa de surpreender o visitante na pressão, mas o Confiança se manteve firme e se defendeu muito bem.

O Confiança entrou em campo com Rafael Sandes, Caíque, Valdo, Eron, Izaldo, Elielton, Flávio, Júnior Paraíba, Wallace Pernambucano, Júnior Paraíba, Danilo Bala e Warley. O primeiro tempo acabou sem que nenhuma das equipes marcasse gol.

Na segunda etapa, o Gigante Proletário voltou ao gramado do Estádio Municipal Juca Sampaio com apenas duas alterações iniciais - Betinho sacou Caíque e colocou Ney Maruim, e trocou Warley por Leandro Kível -, mantendo o restante da equipe, mas os donos da casa abriram o placar nos minutos iniciais.

Então o professor Betinho começou com as alterações: Flávio e Elielton deram lugar a Raulino e Luís Henrique. Em seguida, até mesmo para preservar os atletas em função do desgaste, e também para que todos do grupo pudessem se movimentar, o professor Betinho trocou os demais atletas, assim como o esquema tático.

O treinador azulino colocou em campo os jogadores Wallace Sergipano na zaga, ao lado de Lucas Rocha, Pedrinho, João Guilherme, Bibi e Diego Ceará, alterando o esquema tático do 4-4-2, para o 4-3-3, e mudou a cara do jogo.

Mais ofensivo, e com outra desenvoltura, o Confiança igualou o placar após Diego Ceará ficara cara-a-cara com o goleiro e levar a melhor, balançando a rede para a alegria do ilustre torcedor “Da Pista”, dono da única camisa do Confiança fora do campo do Juca Sampaio.

Pouco depois, após lance de bola parada, o recém-chegado zagueiro Lucas Rocha, que já havia dito ser bom de impulso, subiu lá no segundo andar e cabeceou a redonda para o cantinho, virando o placar da partida.

O Confiança então se soltou ainda mais e chegou a criar outras oportunidades, mas o jogo terminou em 2 a 1 para o Dragão do Bairro industrial, que aos poucos, com muito trabalho e pé no chão, vai pavimentando o caminho até o início do Campeonato Sergipano 2016, mas antes disso, no próximo domingo (17), para ser exato, o elenco azulino fará o segundo amistoso contra o Penedense, que acontece em Penedo, Alagoas.